O livro da lei, Aleister Crowley

"Faça o que tu queres pois ha de ser tudo da lei"

"Não tens direito fora fazer o que queres.
 Faça isto, e ninguém dirá não"

"Amor é a lei, amor sob vontade própria ou coletiva."

"Todo homem e toda mulher é uma estrela", isto é,
 um agregado de tais experiências constantemente mutável com cada novo evento.

"Não há lei além do Faça o que tu queres"


NÃO HÁ DEUS ALÉM DO HOMEM.

1. Toda pessoa tem o direito de viver pela sua própria lei,
   de viver da maneira que quiser;
   de trabalhar como quiser;
   de brincar como quiser;
   de descansar como quiser;
   de morrer quando e como quiser.

2. Toda pessoa tem o direito de comer o que quiser,
   de beber o que quiser;
   de se abrigar onde quiser;
   de se mover como queira na face da terra.

3. Toda pessoa tem o direito de pensar o que quiser,
   de falar o que quiser;
   de escrever o que quiser;
   de desenhar, pintar, esculpir, gravar, moldar, construir como quiser;
   de vestir-se como quiser.

4. Toda pessoa tem o direito de amar como quiser.
  "pegai vosso quinhão e vontade de amor como
   vós quiserdes, quando, onde e com quem quiserdes!" AL 1.51

5. Toda pessoa tem o direito de agredir aqueles que possam frustrar esses direitos.


ALEISTER CROWLEY - O LIVRO DA LEI
(fragmentos)

- O UNIVERSO

Os Elementos são Nuit-Espaço - isto é, as possibilidades totais de todos os tipos 
"Todo homem e toda mulher é uma estrela", isto é, um agregado de tais experiências constantemente mutável com cada novo evento, o qual afeta ele ou ela tanto consciente ou subconscientemente.
Cada um de nós tem assim um universo só dele, mas ele é o mesmo universo para cada um, já que inclui toda as experiências possíveis. Isso implica na extensão da consciência para que inclua todas as outras consciências.
Em nosso presente estágio, o objeto que você vê nunca é o mesmo que o que eu vejo; nós deduzimos que é o mesmo, pois sua experiência se ajusta com a minha em tantos aspectos que as diferenças reais de nossa observação são ínfimas. 
Assim todo o tempo nenhum de nós pode saber dele qualquer coisa além da impressão total feita em nossas respectivas mentes.


- A LEI DE THELEMA

"Faça o que tu queres pois há de ser tudo da lei ".
"A lei é o amor, amor sob vontade".
"Não há lei além do Faça o que tu queres".
Isso significa que cada um de nós é uma estrela para mover-nos em nossa verdadeira órbita, como demarcada pela natureza de nossa posição
Todos os eventos são igualmente lícitos e cada um necessário, na longa jornada para todos nós, em teoria; mas em prática, somente um ato é lícito para cada um de nós em um dado momento. 
cada ato desse tipo precisa estar 'sob Vontade,' escolhido de forma que satisfaça, e que não frustre, a natureza verdadeira do ser em questão.


- O NOVO EON

Nós somos crianças.


- O PRÓXIMO PASSO

A democracia treme.
O homem 'Anormal' que prevê o curso dos tempos e adapta as circunstâncias inteligentemente, é gozado, perseguido, até mesmo destruído pelo rebanho; mas ele e seus herdeiros, quando a crise chega, são os sobreviventes.
Somos tratados como crianças imbecis. Doravante, a Lei do Lojista, as Leis de Direção, asfixia Domingueira a Censura - eles não confiam em nós para cruzarmos as ruas à vontade.
O estabelecimento da Lei de Thelema é a única forma de preservar a liberdade individual e assegurar o futuro da raça.
Na palavra do famoso paradoxo de Comte de Fênix - A regra absoluta do estado há de ser uma função de liberdade absoluta de cada vontade individual.
Todos homens e mulheres são convidados a cooperar com Master Therion nisso, a grande obra. - O. M.



- LIBER AL vel LEGIS

3. Todo homem e toda mulher é uma estrela.
4. Todo número é infinito; não há diferença.
11. Estes são tolos que os homens adoram; seus Deuses & seus homens são tolos.
21. Com o Deus & o adorador Eu não sou nada: eles não me vêem. Eles estão como sobre a terra; Eu sou Céu, e não há outro Deus além de mim
Nada obrigue! Que entre vocês haja diferença entre uma coisa qualquer e qualquer outra coisa; pois daí vem a dor.
30. Esta é a criação do mundo, assim a dor da divisão é como nada, e o prazer da dissolução tudo.
31. Com estes homens tolos e suas dores sequer se preocupem! Eles sentem pouco; o que é, é compensado por fracos prazeres; mas vós sois meus escolhidos.
40. Quem nos chama Thelemitas não comete erro, se aprofundar-se na palavra. Pois há ali dentro Três Graus, o Eremita, e o Amante, e o homem da Terra. Faze o que queres há de ser o todo da Lei.
42. Deixe estar aquele estado de multiplicidade limitado e repugnante. Assim com teu tudo; não tens direito além de fazer tua vontade.
43. Faze isto, e ninguém dirá não.
44. Pois vontade pura, desaliviada de propósito, livre da ânsia de resultado, é de todo perfeita.
56. Não espere-o do Este, nem do Oeste; pois de nenhuma casa esperada virá esta criança. Aum! Todas palavras são sagradas e todos profetas verdadeiros; salvo somente que eles entendam um pouco; solucione a primeira metade da equação, deixe a segunda inatacada. Mas tu tens tudo em clara luz, e algo, apesar de não tudo, às escuras.
57. Invoque-me sobre minhas estrelas! Amor é a lei, amor sob vontade. Que os tolos não confundam o amor; pois há amor e amor. Há o pombo, e há a serpente. Escolhei bem! 


Liber OZ
"A Lei do Forte: Essa é nossa lei e a alegria do mundo." AL 2.21
"Faze o que queres há de ser o todo da Lei." AL 1.40
"não tens direito fora fazer o que queres. Faze isto, e ninguém dirá não" AL 
1.42-3
"Todo homem e toda mulher é uma estrela." AL 1.3


NÃO HÁ DEUS ALÉM DO HOMEM.

1. O homem tem o direito de viver pela sua própria lei
de viver da maneira que ele quiser:
de trabalhar como ele quiser:
de brincar como ele quiser:
de descansar como ele quiser:
de morrer quando e como ele quiser.
2. O homem tem o direito de comer o que ele quiser:
de beber o que ele quiser:
de se abrigar onde quiser:
de se mover como queira na face da terra.
3. O homem tem o direito de pensar o que ele quiser:
de falar o que ele quiser:
de escrever o que ele quiser:
de desenhar, pintar, esculpir, gravar, moldar, construir como ele quiser:
de vestir-se como quiser.
4. O homem tem o direito de amar como ele quiser:
"pegai vosso quinhão e vontade de amor como
vós quiserdes, quando, onde e com quem quiserdes!" AL 1.51
5. O homem tem o direito de matar aqueles que possam frustrar esses direitos.
" os escravos servirão." AL 2.58
" Amor é a lei, amor sob vontade." AL 1.57

0 comentários: